A quadra também é das minas!

Toda segunda-feira, um grupo de mulheres se reúne para jogar basquete das 20h às 22h, em São Paulo. A quadra que o time usava, no prédio de uma das jogadoras, fechou para obras. Elas conseguiram uma quadra pública que, semanas depois, ficou sem um aro. Decidiram ir para a quadra da Praça Rotary, na Major Sertório.

 

Um dia deu certo e conseguiram treinar tranquilamente. Na semana seguinte, precisaram negociar com um grupo grande de homens (cerca de 30) que estavam jogando futebol desde às 19h. Combinaram que cada time usaria a quadra por 1h30, assim, a partir das 20h30, as meninas ocuparam o espaço, que também é delas, afinal, é um espaço público.

 

Mas, na última segunda-feira (03/07), o grupo de homens não liberou a quadra como combinado e, já que as meninas estavam em menor número, se sentiram intimidadas e foram embora. O mais triste disso é que os caras treinam todos os dias e as meninas avisaram que só conseguem treinar um dia da semana, mesmo assim, eles não respeitaram o combinado. Elas só não têm espaço para isso – e quando encontram uma quadra, não são “autorizadas” a usá-la.

 

Por isso, hoje, dia 10/07, elas vão juntar o máximo possível de mulheres na quadra para mostrar que têm tanto direito quanto os homens de usar o espaço e que tem muita mulher querendo fazer esporte coletivo, sim!

 

Portanto, se você quer jogar basquete (não precisa saber, porque elas têm uma técnica para ensinar tudo), apoiar o time a usar um espaço que também é delas, ficar na torcida ou apenas encontrar um grupo de mulheres que se juntou meio que por acaso e criou um time incrível, venha ocupar a quadra a partir das 20h.

 

 

Elas fizeram um grupo no Facebook para chamar as mulheres para este encontro e o post chegou até a ex-jogadora Magic Paula, que se identificou com a luta e também confirmou presença! Vamos fazer a diferença juntas? #aquadratambémédasminas #ocuparotary

Redação

Produzido por uma equipe cheia de Planos para compartilhar.