Caitlyn Jenner é novo rosto da M.A.C.

Se alguém fez barulho em 2015 nos EUA, foi a Caitlyn Jenner. A transexual surpreendeu o país que até então a conhecia como o atleta e medalhista olímpico Brune Jenner, padrasto das irmãs Kardashians.

Para entender o impacto da mudança de Cait, é preciso lembrar que, antes da troca de gênero, ela havia sido o atleta ganhador da medalha de ouro no decatlo nos Jogos Olímpicos de Montreal, em 1976. Ao vencer atletas da antiga União Soviética em plena Guerra Fria, Jenner recebeu a aclamação de herói nacional.

A mudança para Caitlyn aconteceu diante do mundo e transformou a socialite em porta-voz do movimento, com famosa capa da Vanity Fair na qual ela declarava “Call me Cait”. Em entrevista para a rede ABC em 24 de abril de 2015, ela declarou durante o processo de mudança que “Sempre me senti muito confuso com minha identidade de gênero. Meu cérebro é mais feminino que masculino. As pessoas custam a entender isso, mas minha alma é assim”.

 

Viva Glam Finally Free

 

Agora, Caitlyn firmou contato com a M.A.C. para lançar uma nova cor de batom e campanha no dia 7 de Abril. A cor escolhida, um nude rosado, foi pensada por ela para ser um batom de dia a dia, estimulando o uso e maior consumo do produto, já que a renda será destinada para uma causa que Jenner abraça integralmente.

batom mac

Como todo batom M.A.C Viva Glam, a renda da venda é 100% destinada para associações, neste caso para ajudar organizações que ajudem a melhorar a vida de pessoas transgênero. “Pra ser honesta, quero que as pessoas usem o batom todo dia para que comprem mais. Quero arrecadar dinheiro. É muito simples.”

O nome escolhido por ela é uma frase que Caityn diz usar muito “Eu queria um nome que eu uso e que representasse a comunidade (transgênero). Essa é quem eu sou: finalmente livre (Finally Free)”.

batom caitlyn mac