Campanha É pra mim, da quem disse, berenice? causou burburinho nas redes sociais

Já reparou que a vida das mulheres em geral é feita de “nãos”?  Mulher não pode seguir determinada carreira porque não é coisa de mulher ou não pode adotar determinado comportamento porque não condiz com uma atitude feminina ou ainda não pode usar determinada cor de batom ou comprimento de roupa para não ser vulgar, entre tantas outras coisas que a gente ouve por aí.

Pensando nisso, a quem disse, berenice? lançou a campanha É pra mim. Nela, a marca quer mostrar que as mulheres não precisam ouvir nãos. Quer mostrar que as mulheres podem, sim, ser o que elas quiserem e usar a maquiagem que quiserem. É uma maneira de empoderar as mulheres de uma forma, leve e divertida. Para saber mais sobre a campanha, nós entrevistamos a marca para saber um pouquinho mais, dá uma olhada:

Plano Feminino: Como ir além e empoderar a consumidora por meio de uma campanha publicitária?

quem disse, berenice?: Acreditamos que as marcas têm um papel fundamental, já que têm o poder de falar com um grande número de pessoas, muitas vezes influenciando suas crenças e atitudes. No caso da campanha “É pra mim”, trazemos à tona a essência da marca, que desde o começo fala sobre liberdade, de uma forma séria, mas ao mesmo tempo leve. A mensagem da campanha, que passa por um extenso plano de conteúdo on-line, vídeo e revistas, aterrissa o empoderamento em atitudes do dia a dia e em histórias reais de pessoas que se livraram de algum “não” em suas vidas. Mais do que vender maquiagem, utilizamos a campanha para trazer uma reflexão e com um isso um ganho pra sociedade.

Plano: Quais foram os desafios internos e externos para utilizar esta mensagem na campanha?

Quem disse: Como foi baseada em depoimentos reais, tínhamos desde o início uma mensagem muito verdadeira. Eram tantos os “nãos” que queríamos cortar, que a maior dificuldade foi fazer a seleção deles para que o resultado não fosse cansativo sem prejudicar a mensagem que gostaríamos de passar.

 Plano: Quem é a consumidora da marca? O que ela deseja?

Quem disse: Não segmentamos nossas consumidoras por idade ou classe social, ou por outros aspectos sócio-demográficos, mas de acordo com a relação que tem consigo mesmas e a maquiagem. Nós buscamos falar de forma relevante com todas as mulheres, mas principalmente com aquelas que já sentem as pressões da vida adulta para se enquadrarem nas regras sociais e que em seu dia a dia corrido e cheio de responsabilidades não abrem mão de serem espontâneas.

Plano: Qual o retorno a marca teve até agora com esta campanha?
Quem disse: O maior e melhor retorno que tivemos foram os milhões de views e milhares de interações em nossa página sobre a campanha, muitas delas com exemplos pessoais, o que demonstra o alto engajamento com o tema.

Plano: Quais os próximos passos da marca com este mote?

Quem disse: A marca nasceu falando sobre a liberdade da mulher, essa é a essência de quem disse, berenice? Todas as futuras ações trabalharão sobre o assunto, assim como todas as ações já feitas pela marca também tinham esse foco.

Plano: Vocês acreditam que a marca tem uma missão social e pode inspirar as mulheres de uma forma que transcenda o viés do consumo? Como?

Quem disse: Com certeza a missão de quem disse, berenice?  vai além de vender maquiagens. A marca já nasceu com o propósito de transformar vidas através da liberdade o que torna toda nossa comunicação verdadeira e com alto engajamento.  

Plano: As mulheres têm lidado bem com a autoestima? Vocês têm algum tipo de pesquisa sobre comportamento e consumo da mulher neste segmento que possa compartilhar?

Quem disse: Claro que a autoestima das mulheres está bastante ligada à sua aparência, mas queremos que essa ligação seja íntima e por isso, incentivamos a reflexão de que somente a própria opinião importa. Com essa mensagem de liberdade, vemos diariamente pessoas mudando suas vidas e fazendo coisas que acreditavam que antes não seriam para elas.

Gostou? Se você ainda não viu, dá uma olhadinha nesta campanha da quem disse e dê a sua opinião pra gente dizendo o que achou e como isso pode te ajudar a dizer: É pra mim!

Redação

Produzido por uma equipe cheia de Planos para compartilhar.