Como Detectar uma Biscate

Elas não são fáceis, rondam mesmo. E algumas só parecem desistir quando conseguem o que tanto queriam: destruir seu relacionamento – assim, só por esporte.
Mas não se engane, os homens sabem quando estão diante de uma biscate: raramente (muuuuito raramente mesmo) dão valor a elas.

 

O problema aqui é que, como caráter é o tipo de coisa que não vem escrito na testa da gente, pode ser que algumas delas, mais espertinhas, consigam nos enganar. Portanto, nada de dormir no ponto!
Fique atenta porque tem a biscate-colega-de-trabalho, aquela que adiciona você e/ou o seu amor no Facebook, segue no Twitter e, quando rola algum evento da empresa, ela puxa assunto, demonstra a maior intimidade ou fica observando vocês dois de longe.

Tem também a biscate-amiga-da-ex-dele, aquela que o adiciona nas redes sociais provavelmente para dar o feed back para a ex, principalmente se ela achar que o relacionamento não está tão bom assim.
E tem a biscate-amiga, que se divide em: biscate-amiga-dele, aquela que é amiga dos amigos dele, que parece competir com você o tempo todo sobre quem conhece melhor o seu amor e, muitas vezes, acaba te deixando insegura; e tem a biscate-amiga-dele-querendo-ser-sua-amiga, aquela que é superfofinha, superboazinha, faz tudo para te agradar e parece pegar intimidade fácil. Cuidado – essas costumam ser as piores!

 

Mas fique tranquila: biscate nenhuma nesse mundo consegue lutar contra um amor verdadeiro!

Redação

Produzido por uma equipe cheia de Planos para compartilhar.