Mulheres que ganham mais que seus maridos são duas vezes mais propensas a chefiar as finanças da família

Em 2013, 40% das famílias com filhos menores de 18 anos eram chefiadas por mulheres nos Estados Unidos.

Isso é quatro vezes maior do que o número de mulheres que dirigiam as suas famílias, em 1960.

 

As mulheres estão assumindo o controle das finanças da família.

De acordo com Farnoosh Torabi, autor de “When She Makes More” (Quando Ela Pode Fazer Mais: 10 Regras para sustento da família comandadas por mulheres), aquelas que ganham mais que seus maridos são mais propensas a tomar as decisões financeiras da família.

Torabi cita estudos que mostram que “em famílias onde o marido ganha mais dinheiro, ambos os cônjuges participam da tomada de decisão financeira. Mas, nos casamentos em que a mulher traz para casa um salário maior, a mulher é duas vezes mais propensa que o marido para tomar decisões relacionadas ao dinheiro.

Ele também pediu para mais de 1.000 mulheres heterossexuais em relações comprometidas contassem se elas ou seus maridos faziam a gestão das finanças domésticas. Um pouco mais da metade dos participantes faz mais do que seus maridos.

O gráfico abaixo mostra os resultados do estudo de Torabi:

breadwinnig vs non breadwinning womenInformações: Business Insider

No Brasil, dados do IBGE mostram que as mulheres comandavam 24,9% dos domicílios particulares em 2000. Já em 2010, essa proporção cresceu para 38,7% dos domicílios – um aumento de quase 14%.

Outro cenário no Brasil são de mulheres que chefiam sozinhas as contas da casa. Em entrevista para o Diário do Pará, Sandra Oliveira, conta que as duas filhas frutos do antigo casamento, uma de 24 e outra de 17, acompanharam o seu sofrimento e hoje buscam uma independência financeira.

“Sempre eduquei e cuidei mais delas. Meu pai e minha mãe também ajudaram na criação, sempre a família ajuda bastante, tanto financeiramente quanto no trabalho. Mas elas sentiram a ausência do pai. Elas não querem ter filhos cedo, estão buscando a independência. Me considero uma mulher batalhadora e guerreira” , declara.

mulhere-finanças-familiar foto: Diário do Pará

Redação

Produzido por uma equipe cheia de Planos para compartilhar.