Parlamentares mulheres: elas nos representam!

Uma pesquisa feita por uma mestranda em Ciencias Políticas confirma: a presença de parlamentares do sexo feminino no Congresso é fundamental para a criação e aprovação de projetos de lei que beneficiem mulheres e outras minorias.

Beatriz Rodrigues Sanchez analisou os temas dos projetos de lei aprovados entre 1995 e 2010 e comprovou que a bancada feminina propõe mais projetos ligados à Direito e Cidadania, Política Social e  Educação e Esporte em comparação com os deputados homens. Entre as deputadas ligadas a movimentos feministas esse índice é ainda maior.

Deputadas mulheres em sua maioria acumulam as responsabilidades domésticas.

Além disso, a pesquisa observou que as deputadas mulheres em sua maioria acumulam as responsabilidades domésticas, ou seja, deputada também é responsável por criar filhos e cuidar da casa. Isso dificulta o acesso de mulheres à política: mais horas de trabalho em casa significam menos horas disponíveis para se dedicar ao trabalho externo.

O problema, portanto, não é a falta de interesse, mas as diversas barreiras estruturais.

Beatriz afirma: “Por serem as principais responsáveis pela execução de tarefas domésticas e de cuidado, elas têm menos tempo para participar de atividades políticas. O problema, portanto, não é a falta de interesse, mas as diversas barreiras estruturais existentes para que as mulheres que decidem participar politicamente nas instituições representativas sejam em primeiro lugar candidatas e em segundo lugar eleitas.”

Ou seja: representatividade importa! Na próxima eleição, que tal estudar as propostas de candidatas mulheres em sua cidade ou estado e buscar uma que represente o que você acredita?

Gabi Bianco

Publicitária

Paulistana que não fala orra meu, mãe de gatos, nerd, publicitária, porém limpinha. Gosta de passear, cozinhar, ler, escrever e descobrir séries de tv esquisitas.