Por que clicamos em links sobre emagrecimento?

Guta Stresser – Foto: Divulgação

O que dizer de uma reportagem que tem o título: “Após perder o pai e o emprego, atriz emagrece 15 quilos e fica gata”? Pesado, né? Pois foi assim que um portal de entretenimento noticiou a mudança de visual da atriz Guta Stresser, que perdeu 15 quilos nos últimos meses com alimentação mais saudável.

A atriz está cheia de novos projetos, tem peça em cartaz, tem filme. Mas o grande destaque da nota é sua perda de peso. E a tal “perda de emprego” a que o site se refere é apenas o término do contrato com a Globo. Ela continua trabalhando e sendo uma atriz talentosa.

Mas o que dá cliques é o peso. E por quê? Porque o tempo todo somos bombardeadas com fotos e videos de pessoas consideradas bonitas, e sempre magras. Porque as famosas perdem peso e isso sai no jornal e nas redes sociais. Porque quando uma atriz aparece de biquini com celulites na praia, a mídia se apressa em dizer que ela está “fora de forma” ou “com quilinhos a mais”.

É isso que nos importa? É só emagrecer e pronto, a pessoa fica bonita? Ninguém pode ser gorda E bonita? Só magra é bonita? Não pode ter celulite? 2017 e a gente ainda está discutindo a forma física de atrizes?

Discordamos. Dá pra ser gorda e bonita, magra e bonita. O que não dá é pra achar que o que importa na vida da Guta é emagrecer ou engordar. Emagrecimento ou ganho de peso de atrizes não deveria ser pauta em jornalismo. O talento das atrizes sim – e isso Guta tem de sobra, sem importar se ela é magra ou gorda.

Gabi Bianco

Publicitária

Paulistana que não fala orra meu, mãe de gatos, nerd, publicitária, porém limpinha. Gosta de passear, cozinhar, ler, escrever e descobrir séries de tv esquisitas.

No Comments Yet

Leave a Reply

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>