Cachos, aceitação e amor pela beleza real

Quem nunca teve vontade de alisar os cabelos que atire a primeira chapinha!

Debaixo dos caracóis dos meus cabelos existe uma pessoa que tem um desprendimento enooorme com relação aos seus cabelos. Corto mesmo, pinto mesmo, estou sempre querendo fazer uma coisa nova e/ou diferente. Mas alisar, jamais!

Mas, nem sempre foi assim: na minha adolescência, com hormônios enlouquecidos, eu brigava muito com o meu cabelo! Parecia que ele tinha vida própria. Eu fazia escova e ela não durava nem 5 minutos! Era uma loucura!

Depois que os meus hormônios se estabilizaram, tudo ficou mais fácil e eu até comecei a aceitar os meus cachinhos! Hoje em dia, eu nem me reconheço no espelho quando faço uma escova e, por isso, só me submeto a ela quando é realmente necessário – para acertar um corte, por exemplo.

Há uns 6 anos atrás resolvi fazer uma loucura: cortei radicalmente as minhas madeixas – da cintura (mais ou menos) os meus cachos terminavam na altura das minhas orelhas! Não, ele não ficou cheio. Um corte em camadas foi a solução! 
Agora, aos recém-comemorados 27 anos, eu resolvi radicalizar novamente: pintei o cabelo de um tom de ruivo avermelhado. Sim, foi um choque, inclusive para mim! Haha

Portanto, meninas, se aceitem, se amem, porque quando você descobre que aquilo que você acha que é um defeito seu, pode se tornar a solução de tudo! Quando se aprende a lidar consigo mesma a vida fica muuuito mais fácil, tudo fica mais leve!

Solte seus cabelos, ponha-os ao vento! Sinta a liberdade de ser quem você é e ponto!

Sabe quem é a pessoa mais importante da sua vida?! Você! 😉


Redação

Produzido por uma equipe cheia de Planos para compartilhar.