Campanha "Underneath we are…" traz diversidade da mulher em fotos de lingerie poderosas

A artista australiana Adelaide Amy Herrmann lançou uma campanha de financiamento coletivo no Pozible para atrair a atenção para a diversidade feminina e seus apoiadores para o projeto “Underneath we are…”.

Ela espera retratar mulheres com uma perspectiva diferente do comumente visto nos meios de comunicação, publicidade e na maioria das formas visuais da sociedade.

“Por baixo, nós somos… jovem, gorda, alta, trans, magra, com deficiência, mãe, baixa, com cicatrizes e velha”, lê-se na campanha. “Nós somos  muitos rótulos que a sociedade criou para nós. Mas e se eu lhe disse que, por baixo, por baixo de tudo… Nós somos mulheres”.

O projeto quer diminuir o número de mulheres lutando contra seus corpos. O objetivo é fotografar 100 mulheres vestidas de lingerie de forma similar a das revista, mas sem nenhum tipo de edição.

Herrmann quer educar as pessoas sobre o fato de cada mulher nascer em circunstâncias diferentes, ter enfrentado desafios diferentes, para que todo o gênero não seja pintado da mesma forma.

As imagens mostram estrias, cicatrizes de bebê, músculos, gordura, cabelo, pele e acima de tudo – a diversidade. “Eu queria que as imagens gerassem identificação”, explicou Herrmann.

Até agora, ela já recebeu mais de 300 inscrições de mulheres de todo o mundo. O financiamento já passou de 3 mil dólares, sendo que a meta inicial era US$2.700.

“O interesse nesse projeto foi além do que eu jamais poderia ter esperado”, disse Herrmann em um e-mail para Mashable Austrália. “Mmulheres de todo o mundo estão ajudando e o interesse delas é para se sentirem mais confiantes e com a autoestima melhor com seus próprios corpos.”

Confira abaixo algumas imagens:

underneath1

underneath2

underneath3

Ana Victorazzi

Jornalista

Apaixonada por café, cor laranja e animais. Formada em jornalismo e mãe de dois gatos, acredita na bondade das pessoas.