Em campanha contra assédio, artistas usam rosa branca no Grammy

Infelizmente nossa fala sobre assédio parece nunca ter fim. Mas é bom mesmo que a gente continue abordando esse tema para acabar com isso de uma vez por todas!

Recentemente, a Oprah fez um discurso empoderador falando sobre o assédio, racismo e a força feminina. Sua voz ecoou longe e suas palavras foram extremamente aplaudidas e compartilhadas por pessoas do mundo todo.

Agora, foi a vez do Grammy se manifestar contra o assédio. A premiação, que é como o Oscar da música, aconteceu ontem, (28), e foi marcada pela manifestação dos artistas contra o assédio. Vários artistas mostraram seu apoio à organização Time’s Up, campanha contra o assédio sexual, abuso de poder e desigualdade, que teve seu start no Globo de Ouro, justamente no discurso da Oprah.

 

Apresentadora Heidi klum.

 

Os artistas cruzaram o tapete vermelho com uma rosa branca nas roupas, como referência às as flores usadas pelas mulheres sufragistas em seus protestos pela liberdade e pelo direito ao voto. Quem movimentou tudo isso foi eg Harkins, Vice-Presidente Sênior da gravadora Roc Nation, e Karen Rait, executiva do grupo de gravadoras Interscope Geffen A&M.

 

Cantora e atriz Miley Cyrus.

 

Juntas somos mais fortes. Que nossa união e nosso mais intenso desejo de acabar com o assédio e com o machismo nos faça vitoriosas. Este movimento feminino que mostra as mulheres em busca dos seus direitos é um marco importante, porque mostra que não seremos caladas, muito pelo contrário, estamos ficando cada vez mais fortes para ocupar os espaços que são nossos por direito!

 

Redação

Produzido por uma equipe cheia de Planos para compartilhar.