O Mercado de Cosméticos do Brasil atrái Marcas Internacionais

A expansão do mercado de beleza brasileiro está deixando até chineses de olhos bem abertos.
Eu não tenho uma amiga que não use pelo menos um batom. A gente ama se cuidar, seja um creme, um pó ou um esmalte. Embora o mercado de beleza no Brasil ainda esteja amadurecendo, o nosso interesse em consumir cosméticos aumenta em níveis assustadores. Em média, os consumidores brasileiros gastam R$500 por ano em produtos de beleza. Isso pode parecer pouco, mas num país onde 100 milhões e pessoas são da Classe C, acredite, é um investimento alto.


Pois é, a gente passou a ter acesso a produtos que antes só com uma viagem internacional era possível comprar. Agora a gente tem internet né minha amiga! E a gente sabe fazer compra online. Mais que isso, o mercado interno se mexeu e criou novas necessidades para essa nova mulher.
Exemplo disso são os Nail Bar. Febre em São Paulo, já conheci dois: O Detrich e o Cosmopolish. O primeiro mais classudo e contemporâneo, o segundo, mais jovem e despojado. Você faz as unhas ao som de música boa e bebericando drinks preparados ali mesmo. Depois de conhecer um Nail Bar, você nunca mais quer ir naquele salão lotado que toca sertanejo. Sério.
No ano passado, o mercado de beleza do Brasil registrou um crescimento anual de 7,3% – o maior aumento observado nos últimos cinco anos segundo a Associação Brasileira de Cosméticos, Higiene Pessoal e Perfumes Indústria (ABIHPEC). O brasileiro está preocupado com a aparência e bem-estar. Disposta a experimentar novos produtos, novas marcas.
Isso é uma necessidade feminina, mudar faz bem, experimentar o novo traz uma nova espectativa sobre cuidar da beleza.
Nada boba, marcas como Unilever e L’oreal entenderam a demanda brasileira e apostaram em várias novas linhas para cabelo nos últimos seis meses. Pelo menos 5 marcas gringas de maquiagem entraram no Brasil esse ano. Até marcas de moda lançaram linhas de cuidado e maquiagem, como a Le Lis Blanc.
Passamos anos usando Avon e agora temos o mundo de olhos no nosso potencial de consumo. Ao longo dos próximos cinco anos, o consumo no Brasil de cuidados pessoais e produtos de beleza é previsto para até mesmo ultrapassar a dos EUA.


E você? Já reparou na quantidade de produtos que compra hoje e o quanto comprava 5 anos atrás?
Há 5 anos, eu tinha um lápis preto, um gloss e um prendedor de cabelo. Hoje começa no primer, passa pela base mineral com filtro solar e termina nos lenços para remover oleosidade.
Viu?!

E a sua necessarie? Como está? Será que você é uma das mulheres que as novas marcas querem atingir?

Responda nos comentários vamos discutir esse processo que o mercado brasileiro está passando.

Redação

Produzido por uma equipe cheia de Planos para compartilhar.