Jornal tem dupla de apresentadores negros pela primeira vez na tv brasileira. Sinal de mudança?

Pela primeira vez na história da Tv brasileira, um jornal teve dois apresentadores negros à frente da apresentação. Pois é, isso aconteceu na semana passada, dia 4, no jornal Rede TV! News.

A bancada foi comandada pelos jornalistas Luciana Camargo e Rodrigo Cabral, que comemoraram a situação inédita e esperam que esse seja o início de uma mudança no telejornal brasileiro.

 

 

De acordo com um levantamento realizado pelo Coletivo Vaidapé no final de 2017, as principais emissoras de TV aberta hoje (Cultura, SBT, Rede Globo, Rede Record, RedeTV!, Gazeta e Bandeirantes), possuíam entre o segundo semestre de 2016 e o primeiro de 2017, 204 programas com um total de 272 apresentadores que compõem as grades de programação.

Desse total, temos um número que ainda é extremamente baixo: apenas 3,7% dos apresentadores são negros, ou seja, 10 apresentadores negros contra 261 brancos. A Rede TV! ainda é a emissora que, em termos gerais têm mais negros quando comparado a outras emissoras, onde pouco mais de 9% dos apresentadores são negros.

 

 

Já no caso da Record e o SBT, essas são emissoras campeãs no quesito branquitude. Nenhuma delas tinha, à época, sequer um apresentador negro nos programas analisados. A única apresentadora negra, incrivelmente talentosa, era a Joyce Ribeiro, que hoje apresenta o Jornal da Cultura.

Comemoramos com Luciana Camargo e Rodrigo Cabral, mas sabemos que ainda há muito o que fazer para que tenhamos mais negros representando os seus na TV, nas empresas, em cargos de liderança, na música… No caso do Jornal Rede TV! News, os âncoras continuam sendo duas pessoas brancas: Amanda Klein e Boris Casoy, que, inclusive, já se envolveu em polêmica falando mal de um varredor de rua ao vivo e, em 2017 ele foi condenado a pagar indenização ao profissional.

Queremos ver tantas outras emissoras seguirem o exemplo do feito inédito do jornal da Rede TV!, colocando cada vez mais negros em seu quadro de profissionais de destaque, afinal, os negros representam 53% da população brasileira. O que justifica vê-los tão pouco representados na TV?

Preconceito! E isso, definitivamente, tem que acabar!

 

Kelly Sá

Amante da arte, das palavras. Adora crianças, cachorros e gatos. Formada em Letras, adora trabalhar com conteúdo, fazendo das palavras o seu brinquedo preferido.